“A Batalha no Lago Changjin”, um épico histórico caracterizado pelo zelo patriótico, continuou a bater recorde nas bilheterias chinesas e despertou a paixão patriótica entre o público chinês.

Realizado conjuntamente por três grandes diretores, Chen Kaige, Hark Tsui e Dante Lam – uma cena rara na indústria cinematográfica chinesa -, o filme de guerra registrou uma receita acumulada de mais de R$ 3,4 bilhões em duas semanas, é a maior bilheteria para estreia de um filme.

Trata-se de um filme de propaganda da China sobre a Guerra da Coreia, travada nos anos 1950. A obra é centrada na história de soldados chineses que derrotam tropas americanas em meio a grandes dificuldades.

Mostrando a Guerra de Resistência à Agressão dos EUA e Ajuda à Coreia (1950-1953) e estrelado por Wu Jing e Jackson Yee, o filme conta a história dos soldados Voluntários do Povo Chinês lutando corajosamente sob o frio intenso em uma campanha chave no Lago Changjin, ou Reservatório Chosin.

Milhares de jovens soldados chineses morreram no lago para garantir uma vitória crucial contra as forças americanas. 

“Estou tão emocionado com o sacrifício dos soldados. O clima frio estava tão extremo, mas eles conseguiram vencer. Sinto-me muito orgulhoso”, escreveu um espectador no site de críticas Douban. 

Não é por acaso que o filme ganhe tanta popularidade em meio a tensões crescentes entre Washington e Pequim.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui