Foto: Divulgação

A Central de Atendimento e Cadastro Emergencial – Cacem, da Secretaria Municipal de Assistência Social, está fora do ar por problemas técnicos, de acordo com a operadora Vivo, responsável pela cobertura de telefonia da região onde está instalada a central.

Segundo comunicado enviado pela operadora, a região está passando por manutenção devido a danos externos não previstos pela Vivo. A área técnica está atuando, porém, a normalização está prevista para até dia 21 de julho, às 18h, de acordo com informações da Prefeitura.

Enquanto os telefones da Cacem estiverem fora do ar para solicitar as cestas básicas emergenciais, a equipe da central está realizando a busca ativa reversa, ou seja, está entrando em contato com os números que ligaram para a central nos últimos dias e não conseguiram atendimento.

Além deste serviço que já é oferecido pela central, a Semas excepcionalmente fará o atendimento via CRAS enquanto durar o período de manutenção.

Os interessados devem entrar em contato por telefone com o CRAS de sua referência para solicitar a cesta básica emergencial. Caso não seja possível, podem ir pessoalmente, respeitando todos os protocolos sanitários para evitar a contaminação pelo novo coronavirus.

Até quarta-feira (21), data prevista para a conclusão da manutenção, o atendimento nos CRAS será realizado das 8h às 12h ou das 13h às 17h.

No último dia 9, o CDN publicou reportagem sobre os problemas enfrentados por moradores da cidade em situação de vulnerabilidade para retirar as cestas. Mesmo antes de a prefeitura divulgar os problemas técnicos da linha telefônica, já era difícil conseguir contato no local.

Confira o relato da moradora do Jardim João Rossi, Claudete da Silva, que só consegue se manter atualmente graças ao trabalho comunitário de uma Igreja do Jardim Nova Aliança.

Para identificar o CRAS de referência da residência, basta acessar o link: https://www.ribeiraopreto.sp.gov.br/portal/assistencia-social/cras

Deixe uma resposta