Clientes dos planos de saúde adiaram cuidados médicos por medo de contágio por Covid-19

0

Apesar de os hospitais estarem preparados para atender todos os pacientes com segurança, de acordo com as normas preconizadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS), durante a pandemia do novo coronavírus muitas pessoas adiaram o cuidado com a saúde por medo do contágio. De acordo com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), houve uma redução de 33% na utilização dos serviços pelos beneficiários de planos de saúde nos quatro primeiros meses do ano. Apenas as internações tiveram uma diminuição de quase 41% no período. 

Segundo dados do perfil epidemiológico dos hospitais Anahp, doenças crônicas e doenças do aparelho circulatório e nervoso tiveram queda significativa – 23,2%, 20,9% e 26,6%, respectivamente – quando comparados os meses de janeiro a abril de 2019 com o mesmo período em 2020. Nesse grupo estão classificadas doenças de tratamento contínuo, como canceres, infarto, acidente vascular cerebral, insuficiência cardíaca. 

Para debater os riscos de postergar tratamentos médicos e a importância de os pacientes voltarem a realizar consultas, exames e cirurgias eletivas, a Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp), apresenta o tema “Covid-19: Os impactos do adiamento de tratamento do dia a dia e a retomada dos procedimentos no setor hospitalar“, para a nova rodada do Anahp AO VIVO. 

live contará com a mediação de Henrique Salvador, conselheiro da Anahp e presidente da Rede Mater Dei de Saúde, e a participação de Fernando Maluf, fundador do Instituto Vencer o Câncer e diretor do serviço de Oncologia Clínica da BP – A Beneficência Portuguesa de São Paulo; Ary Ribeiro, CEO do Sabará Hospital Infantil e Erickson Blun, presidente do Hospital Vera Cruz. 

O evento online acontece nesta quinta-feira (13), a partir das 18 horas. As vagas são limitadas e as inscrições podem ser feitas pelo link: http://anahp.zoom.us/webinar/register/WN_R4d8deUIQamtKHHnK7BpQA

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui