Vista aérea de São Joaquim da Barra.

Depois de uma reunião com representantes da administração pública de São Joaquim da Barra (SP), o Ministério Público (MP) solicitou ao município a intensificação das medidas restritivas e da fiscalização contra a Covid-19. A intenção é de aliviar a pressão sob o sistema de saúde municipal.

O endurecimento das restrições é voltado principalmente aos bares e restaurantes. Também foi solicitada à Prefeitura a prorrogação do decreto que impõe medidas mais restritivas na cidade por mais sete dias. Além disso, o MP pediu o aumento de 20% nos leitos do Hospital de Campanha e a intensificação das campanhas educativas entre a população, além de outras medidas.

Segundo o último boletim epidemiológico de São Joaquim da Barra, divulgado na quarta-feira (9), a cidade registra 5.312 casos de coronavírus e 121 mortes, 87 delas somente neste ano.

Secretário de Sertãozinho deixa o cargo

O médico João Ortolan deixou o comando da Secretaria de Saúde de Sertãozinho depois de seis meses no cargo. A secretária adjunta Soaria Stella assume a secretaria interinamente até a nomeação do novo responsável pela pasta, que, segundo a Prefeitura, deve ocorrer nos próximos dias.

A troca ocorre em meio a um colapso da saúde pública da cidade por causa da pandemia. Desde 31 de maio Sertãozinho tem 100% de ocupação em leitos de UTI, unidade de terapia intensiva, na Santa Casa, único hospital público do município.

Sertãozinho conta com 18.328 casos de Covid-19 e atingiu a marca de 400 mortes.

O médico João Ortolan ficou seis meses no comando da Saúde de Sertãozinho. Foto: Redes Sociais

Deixe uma resposta