Pandecast>

Pandecast-Primeiras imagens do novo acelerador de elétrons do Brasil são de proteínas do coronavírus

O Sirius tornou-se prioridade para o governo Bolsonaro, e, apesar dos cortes de gastos na ciência, vem recebendo dinheiro para manter e ampliar suas operações. Recentemente o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação criou a Rede Vírus, da qual o Sirius e o CNPEM participam, colaborando com a busca de fármacos, e, como no caso do estudo da enzima 3CL, no entendimento da biologia do vírus.
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com