Foto: Hanna Mckay/Agência Brasil

O meia Eriksen implantou um cardiodesfibrilador interno (CDI) no coração e deve ir para sua casa, na Dinamarca. De acordo com o jornal italiano “Gazzetta dello Sport”. A cirurgia foi um sucesso.

O camisa 10 da Inter de Milão está internado desde o último sábado no hospital Rigshospitalet, em Copenhague. O procedimento pelo qual ele passou é considerado rotineiro na medicina. O aparelho introduzido controla a arritmia cardíaca.

Há o registro de atletas que voltaram a jogar profissionalmente com aparelhos como o implantado por Eriksen, como é o caso do holandês Daley Blind, do Ajax. O futuro do meia, de 29 anos, porém, ainda é incerto. A legislação italiana não permite que atletas tenham a permissão de atuar com esse aparelho. Em outros países, mediante a assinatura de um termo de responsabilidade por parte do jogador, o retorno é liberado.

O meia Eriksen sofreu um mal súbito em campo durante partida da Euro 2021.

Deixe uma resposta