Foto: Juan Medina/Agência Brasil

O primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, anunciou nesta sexta-feira (18) que as máscaras vão deixar de ser obrigatórias fora de casa a partir de sábado, 26 de junho.

“Este será o último fim de semana com máscaras em espaços exteriores”, disse o chefe do governo da Espanha no início do seu discurso, ao encerrar reunião do Círculo de Economia, realizada em Barcelona.

Segundo Pedro Sánchez, será realizado um Conselho de Ministros extraordinário para aprovar a medida na próxima quinta-feira (24).

A Espanha está relatando 3.395 novas infecções em média por dia, o que representa 9% do pico. A maior média diária relatada foi em 25 de janeiro.

Ocorreram 3.753.228 infecções e 80.634 mortes relacionadas ao coronavírus registradas no país desde o início da pandemia, segundo dados da agência Reuters.

Deixe uma resposta