Na manhã deste sábado (9), por volta das 6h30, quatro pessoas foram mortas com tiros de pistolas e rifles na cidade de Pedro Juan Caballero, na fronteira com Ponta Porã. Entre as vítimas estão duas jovens brasileiras e a filha do governador do estado paraguaio de Amambay.

Haylée Caroline Acevedo Filha do governador de Pedro Juan Caballero é uma das vítimas

Dos quatros mortos estão Osmar Vicente Álvarez Grance, de 32 anos namorado de Haylée Caroline Acevedo, de 21 anos que é filha do governador Ronald Acevedo, também foram executadas as brasileiras estudantes de medicina Kaline Reinoso, 20 anos e Rhannye Jamilly Borges de Oliveira, de 18 anos.

As brasileiras estudantes de medicina Kaline Reinoso e Rhannye Jamilly Borges de Oliveira estão entre as vítimas da execução

As vítimas haviam acabado de sair de uma festa e estavam aguardando o carro para embarcar. Os pistoleiros se aproximaram em uma caminhonete e atiraram.

Câmeras de segurança próximas ao local do atentado serão verificadas. Ainda segundo o comissário, ao redor do carro que as vítimas embarcariam foram encontrados várias cápsulas de rifle.

Do lado brasileiro da fronteira

Do lado brasileiro da fronteira um vereador de Ponta Porã, cidade sul-mato-grossense vizinha à paraguaia Pedro Juan Caballero. Farid Charbell Badaoui Afif, de 37 anos (DEM) foi executado na tarde dessa sexta-feira (08), quando andava de bicicleta.

A execução ocorreu na véspera do aniversário da filha mais nova do vereador.

A suspeita inicial da polícia é de que a vítima tenha sido alvo de disparos de pistola calibre 45. No entanto, ainda não há detalhes da dinâmica do crime ou a confirmação de quantos tiros atingiram o vereador.

Farid Charbell Badaoui Afif, vereador pelo DEM de 37 anos

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui