Uma mulher de 24 anos, foi agredida e teve o joelho quebrado ao tentar usar o banheiro feminino de um bar no município de Tauá, a 337 km de Fortaleza, na segunda-feira (22). Milene Pereira de Sousa teve o joelho quebrado com o espancamento e ficou com vários hematomas pelo corpo.

De acordo com Milene Pereira, ela estava com a companheira no restaurante e se dirigia ao banheiro quando foi impedida pelo homem que a agrediu. A agressão foi filmada por pessoas próximas.

O suspeito de agredir a mulher, se apresentou na delegacia de Tauá, no interior do Ceará, nesta quinta-feira (26). Em depoimento, ele disse a polícia que o local estava escuro e confundiu a vítima com um homem, por isso impediu que ela entrasse no banheiro.

Milena relatou que tentou sair do local, mas o homem não parava de agredi-la. Ela lembra quando foi jogada para cima de um carro.

Após as agressões, Milena foi levada a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Tauá. Ela sofreu ferimentos no joelho e em outras partes do corpo. “Ele quebrou meu joelho. Estou com corpo todo machucado. Fui ao médico, e eles disseram que se o osso não voltar ao local, terei que passar por uma cirurgia.”

O homem, que não teve a identidade revelada, compareceu à unidade policial acompanhado por dois advogados. Ele negou as acusações de LGBTfobia e afirmou ainda que também foi agredido por Milene e a companheira dela.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui