Foto: Polícia Federal

Uma organização criminosa voltada ao tráfico internacional de entorpecentes com atuação no Paraná, Espírito Santo, Minas Gerais e Santa Catarina é o alvo da Operação Párvulo, da Polícia Federal, nesta terça feira (10).

A investigação teve início em 2020 com o acompanhamento de um homem que comprava grande quantidade de haxixe e drogas sintéticas (ectasy) em Foz do Iguaçu (PR) e as distribuía na cidade de Guarapari (ES) e região.

Com o avanço das investigações dos policiais federais da superintendência do Espírito Santo, foi constatado que a rede de atuação da quadrilha era maior, tendo alcance também em Minas Gerais e Santa Catarina.

Na ação, foram expedidos 12 mandados de prisão preventiva, sete de prisão temporária e 20 de busca e apreensão em residências e empresas nas quatro unidades da federação, com a participação de 100 policiais federais.

Somente em Foz do Iguaçu (PR) estão sendo cumpridos cinco mandados de busca e apreensão e cinco mandados de prisão temporária de indivíduos que teriam participação, principalmente, na movimentação de recursos financeiros da organização criminosa.

Deixe uma resposta