Funcionários dos correios fazem protesto em frente a unidade Lagoinha

0

Funcionários dos correios fazem protesto nesta terça (19) deitando no chão em frente a unidade dos correios da Lagoinha, Ribeirão Preto.

Os funcionários já deixaram o prédio após liminar da justiça que autorizou uso de força policial para desfazer o protesto e multa diária de R$ 50 mil ao sindicato dos trabalhadores dos Correios (Sintec).

A greve acontece em todo território nacional e as reinvidicações da categoria são contra a aceleração do processo de privatização da estatal, a rejeição da proposta de reajuste zero e cortes de benefícios.

Em um Brasil que sofre com a pandemia do coronavírus e milhões de trabalhadores perderam o emprego outros lutam para manter suas benesses.

Confira o corte de benefícios

  • Vale-peru
  • Vele-cultura
  • Vale-refeição durante as férias
  • Férias com gratificação de 2/3 do salário
  • Adicional 200% para trabalho em dia de repouso
  • Adicional noturno de 60% sobre hora trabalhada
  • Hora extra referente 70% do salário-base
  • licença-maternidade de até 180 dias
  • Auxilio-Creche para dependentes até 7 anos

Com quase 100 mil funcionários e 6 mil agências espalhadas por todo país, a empresa amarga crise financeira sem precedentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui