Foto: Rafael Cautella

A Prefeitura de Ribeirão Preto, publicou um decreto no Diário Oficial desta quarta-feira (25), tornando a vacinação contra a Covid-19 obrigatória para os servidores municipais.

De acordo com a publicação, o trabalhador que recusar o imunizante sem justificativa prévia, vai sofrer penalidades dentro da legislação municipal. A medida é válida para os trabalhadores da administração direta, autarquias e fundações municipais.

Segundo o decreto, a responsabilidade de monitorar a situação vacinal dos servidores públicos é de cada secretaria, autarquia e fundação. Caso sejam encontrados casos de recusa, o gestor precisa comunicar a Controladoria Geral do Município para adoção das punições.

Na Secretaria Municipal de Educação, pelo menos 50 professores não quiseram tomar a vacina da Covid, segundo o secretário Felipe Elias Miguel. Para a Justiça do Trabalho, a vacinação é obrigatória para o retorno às aulas presenciais na rede municipal.

Deixe uma resposta