Prefeitura explica destinação de verbas contra o Coronavírus

Entenda as ações contra o Coronavírus

0

A prefeitura municipal, através de suas redes sociais e seus interlocutores, tem rebatido com veemência os boatos de redes sociais e o discurso de alguns comunicadores sobre a falta de leitos de terapia intensiva exclusivos aos pacientes com Covid-19. Com o HC como escora, o secretário de Saúde Sandro Scarpellini adotou como referência em casos de baixa gravidade a UPA 13 de Maio, na qual os procedimento são exatos aos de um hospital de campanha, mas melhor equipado, afirmou o secretário. 
Parlamentares afirmam, todavia, que há indícios graves de uso indevido da verba estadual e federal disponibilizada para o combate ao Coronavírus. Por não ser uma verba de finalidade específica, defende-se a administração, as urgências orçamentárias podem ser definidas pelo prefeito, com o aporte ao IPM. 

Hospitais
Foi acordado com o hospital Santa Lydia a reserva de uma ala para o atendimento adulto, além do convênio municipal com o hospital São Francisco de Assis, que recebe os pacientes que não são casos de Covid-19. Os dados fornecidos são de 56 novos respiradores adquiridos, juntamente com os profissionais necessários para a manutenção de cada leito/respirador. Foram contratados médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, técnicos e auxiliares, todos intensivistas, para operacionalizar tais leitos.


Tecnologia
O Supera Parque tem apresentado boa aposta da gestão. foram feitos investimentos para a instalação do laboratório para realização de exames RT-PCR no Fipase/Supera Parque e aquisição de robô para agilizar os resultados de exames. O equipamento tem capacidade de processar 400 exames RT-PCR de COVID-19 em duas horas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui