Preto no Branco entrevista o senador Major Olímpio: “A justiça chega”

Direto, o senador polemizou sobre diversos assuntos

0
Ailton de Freitas / Agência O Globo

O senador Major Olímpio afirmou, em entrevista exclusiva ao programa Preto no Branco desta quinta-feira, 06/08, que sua ruptura com o presidente Bolsonaro ocorreu quando não aceitou a pressão do Planalto relativa ao impeachment do ministro do Supremo Tribunal Federal Dias Toffoli, CPI da Lava-Toga e sua saída do movimento Muda Senado.


Segundo o senador, “quem esgarçou a relação foi o presidente. Há um ano não nos falamos”. Jair Bolsonaro, relatou Olímpio, “fez isso para salvar filho. Não engulo subserviência cega”.


Sobre o PSL, o senador paulista mostrou insatisfação com uma possível reaproximação partidária com o bolsonarismo. “Saíram desmoralizando a gente (PSL), queriam meter a mão no fundo eleitoral, montaram o Aliança, que é um estelionato dos filhos do presidente com advogados gananciosos.”


Questionado se é alvo de campanhas difamatórias, afirmou: “eu sou o maior alvo (gabinete do ódio) desses criminosos em São Paulo, o tempo todo plantando notícias falsas, crimes, e têm que acabar na cadeia. A justiça chega. Estão achando que vai ficar barato, mas ninguém engana todo mundo o tempo todo. Vão pagar e pagar caro.”


Confira na íntegra o Preto no Branco a entrevista com o senador aqui:

Programa Preto No Branco 06/08/2020

1 – Senado e o governo federal2 – A reforma tributária pode salvar a economia brasileira?3 – A relação do PSL com o governo estadual

Publicado por Centro de Notícias em Quinta-feira, 6 de agosto de 2020

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui