Rodrigo Maia diz não ver consenso para privatização da Eletrobras neste ano

Presidente da Câmara dos Deputados acredita que o foco deve ser no conjunto de reformas do governo

0
Foto: Jorge William / Agência O Globo

SÃO PAULO (Reuters)

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta terça-feira que não acredita ser possível consenso entre a Casa e o Senado para aprovar a privatização da Eletrobras ainda neste ano, e defendeu que o Congresso se concentre nas reformas tributária e administrativa e na regulamentação do teto de gastos públicos. 

“Eu não acredito que a gente consiga consenso entre Câmara e Senado para votar Eletrobras neste ano”, disse Maia em evento do Banco Santander transmitido online. 

“Do meu ponto de vista, eu acho que a gente devia focar no teto (de gastos), focar na (reforma) tributária, que já vem andando, e trabalhar para que o governo encaminhe a (reforma) administrativa”, acrescentou ele.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui