Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foi recebido com protestos no evento que celebrava a 1ª Feira Brasileira do Nióbio, em São Paulo, nesta quinta-feira (8).

Bolsonaro reagiu nesta sexta (8) a gritos de “fora Bolsonaro” que ouviu antes de seu discurso. O chefe do Executivo pediu calma em relação às pessoas que protestaram contra ele.

Após alguns segundos em silêncio, o presidente respondeu: “Não vamos chegar ao nível deles, não, por favor. Sairei daqui, imediatamente, se ela me responder quanto é… são 7 x 8? Raiz quadrada de 4? Saio agora daqui”.

O grupo que se manifestou foi retirado do local. 

Logo depois, ele iniciou seu discurso dizendo que sempre gostou de estudar e que ainda sabia a tabela periódica de cor. “Como eu queria que as pessoas que gritaram gostassem disso também. São dignas de pena, mas temos que lutar por elas também”, disse o presidente, de novo se referindo ao protesto.

Bolsonaro falou sobre nióbio e lembrou que é um defensor do uso do material há anos. “A gente vê uma bateria de nióbio e se sente melhor. Me enche de orgulho. É uma injeção de ânimo.”

O nióbio é um elemento de liga, que consegue transformar as propriedades de outros materiais, como, por exemplo, o aço, tornando-o mais maleável e resistente. O mineral é usado em áreas distintas –da produção de aparelhos de ressonância magnética à construção civil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui