O vereador Thammy Miranda anunciou nesta terça-feira (30), por meio de suas redes sociais, que entrou com pedido de desfiliação do Partido Liberal (PL). Ele usou as redes sociais para anunciar a decisão.

“Com a ida do presidente ao Partido Liberal, partido do qual eu faço parte, estou dando entrada na minha desfiliação. Eu vou sair do partido”, informou.

Em um vídeo, o vereador justificou a posição tanto pelo conflito de ideias quanto por ataques pessoais que recebeu da família Bolsonaro.

“A gente tem ideias diferentes e já sofri ataques pessoais de membros da família do presidente, inclusive contra meu filho quando ainda era recém-nascido”.

O vereador também disse não ter entrado na política para atacar ninguém ou lutar contra políticos, mas para representar as pessoas. 

Thammy não citou para qual partido pretende ir, mas garantiu que seguirá atuando na política. “Vou seguir fazendo o trabalho pelo qual fui eleito, sem me preocupar com partido, mas de olho no que as pessoas precisam”, concluiu.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui