Foto: Governo de São Paulo

Ribeirão Preto teve nesses última semana um aumento no número de internações em leitos de UTI Covid-19 colocando a cidade na fase vermelha de restrições do Plano São Paulo.

Nesta segunda (9) a situação dos leitos para UTI passam de 78% de ocupação. Dos 242 leitos disponíveis para essa finalidade, 190 estão ocupados sendo 135 leitos fazem uso de respiradores artificiais.

Infográfico fornecido pelo leitoscovid.org

Já os leitos de enfermaria estão com ocupação de 53,82%, esse número é considerado como fase verde do Plano São Paulo de restrições.

Dos 249 leitos de enfermaria disponíveis para Covid-19, 149 estão sendo utilizados com dois pacientes no uso de respirador artificial.

De acordo com o site leitoscovid.org onde se monitora a disponibilidade de leitos na cidade de Ribeirão Preto, havia uma tendência de queda nas internações em UTI até o dia 31 de julho e estabilidade até o dia 06 de agosto quando os números de internações saltaram em uma curva ascendente.

Além do aumento nas internações, vale considerar que ocorreu uma redução de 83 leitos nas UTIs na comparação de junho com o atual momento. 

Infográfico fornecido pelo leitoscovid.org


Deixe uma resposta